terça-feira, 3 de agosto de 2010

O fim do "Ele" e da "Ela" ...


As pessoas falam, comentam, sussurram, mas ninguém ama, como Ela o amou. Ninguém sofreu tanto quanto Ela, ou pelo menos da mesma forma.
Ela vivia tudo com muita intensidade, pensando sempre no futuro, fazendo planos para aquela relação. Ela pensava que tudo era um "mar de rosas"e que nada os iria separar. Mas enganou-se, ao mínimo problema foi cada um para seu lado. As justificações para tal, foram as piores que Ela poderia ter ouvido.
Ninguém a magoara tanto quanto Ele. Ela sofreu, chorou, desesperou, morreu por dentro, mas.. RESSUSCITOU! Ergueu a cabeça, e seguiu o seu rumo, sabendo sempre que mais tarde ou mais cedo Ele voltaria a andar atrás dela, mas Ela mentalizou-se que nunca, mas nunca mais se iria voltar a envolver com Ele.
Depois de tudo o que tinha acontecido, a pior decisão que Ela poderia tomar era mesmo essa. Mas agora.. Agora Ela é uma pessoa nova, rejuvenescida, e com muita, mas muita força de viver e de amar!

A "ela" chamarei de Matilde. Não sendo este o meu nome, eu não me identifico com ela ...

4 comentários:

Anónimo disse...

Está muito bom :)

« i n ê s m o r a i s » disse...

continuas com aquele teu jeitinho especial para isto (:
saudades tuas , amo-te @

« i n ê s m o r a i s » disse...

temos que pôr a conversa em dia love (:

Joel disse...

Hi, Nice post. Would you please consider adding a link to my website on your page. Please email me.

Thanks!

Joel Houston
JHouston791@gmail.com